17

Desabafo!





 Eu sei que tem mães que não se importam, mas eu me importo e muito, não gosto que se intrometam na forma como cuido e crio minha filha. Tem gente que vive para dar palpite, logo na minha vida, eu não fico dando palpite na vida de ninguém, só aqui na blogosfera rsrs, pelo contrario sou bem reservada. Sei que não é por mal, algumas pessoas pensam estar ajudando, mas se eu precisasse de ajuda eu pediria.

 Sei que vai parecer que sou chata, arrogante e nem sei mais o que, mais precisava desabafar. Eu sou uma mãe dedicada, cuido muito bem da minha princesa, fico com ela 24 horas mesmo, levo até pro trabalho, amamento, fico acordada de madrugada, e nunca reclamo, mas tem uma hora que agente chega no limite, não reclamo da maternidade não, eu amo tudo isso, reclamo da inconveniência de algumas pessoas e seus palpites que nada acrescentam, alguns chegam a ser absurdos. Se eu dei chupeta, se o berço dela fica no meu quarto, se acordamos tarde,  a rotina dela, ninguém tem nada com isso eu que sou a mãe.  E o pior que todo lugar que agente vai tem alguém que pensa saber cuidar melhor do filho da gente, do que nós mesmos.
 Pelo amor de Deus a filha é minha, eu sei sim cuidar dela, e o que não souber vou procurar aprender, vou pedir ajuda se precisar, posso ser mãe de primeira viagem mas não sou burra, nem irresponsável. Não sou uma incapaz. Chega! E não existe ninguém no mundo que cuidaria melhor dela do que eu. Ela é minha vida.
 Desculpe a rabugice, mas se não falasse nada, uma hora ia explodir e seria muito pior. Fico me perguntando, será que é só eu que fico me sentido desse jeito? Será que sou tão chata assim? Isso também acontece com vocês? 
 Pronto falei, agora estou até mais leve, e menos chata.
Comentários
17 Comentários

17 comentários:

Jei disse...

Ui pareces eu a falar rsrsrsrs
Á sério tb odeio comentarios e palpites na forma como crio a minha filhota.
Tenho uma cunhada que vive me perguntando tudo e mais alguma coisa sobre o que faço e deixo de fazer com a menina, eu sei que nao +e por mal mas irrita-me imenso e o fato dela ja ter uma certa idade faz com que eu nao lhe responda mal mas aquilo fica entalado na garganta e já nao suporto.
O que eu costumo fazer é tentar fugir dessas pessoas, infelizmente é isso que faço...

Aline Patrícia disse...

E o pior é agente não poder falar nada, né?
E nem tem como eu fugir, pois se tivesse já teria feito,
o jeito é ir levando, até onde der...
E eu antes de ter filho achava que esses palpites não incomodavam, agora que sou mãe que percebi como são irritantes..
Beijinhos.

Juliana (Contos de uma Mãe Pandora) disse...

Aline, também me sinto assim muitas vezes. No começo, era bem pior, pois todos se sentiam no direito de palpitar deliberadamente, até que coloquei um limite. Fui chata, mas foi muito bom. Hoje, as pessoas me respeitam mais, mas foi difícil ter que cortar certos pitacos desnecessários.
Fique bem, um beijão, Ju

Aline Patrícia disse...

Sabe JU acho que eu vou ter que começar impor limites também,
estou muito cansada de tudo isso. Vai fazer bem pra mim.
Não falo nada para não magoar ninguém, mas onde eu fico nesta
historia?
Obrigada pela dica.
Bjos.

Josiane Caetano disse...

Passei por isto quando comecei a amamentar e sei que não é fácil: as pessoas tentam ajudar, mas não percebem que mais irritam que outra coisa. O negócio é ter paciência! Boa semana pra vc!

Aline Patrícia disse...

Não é fácil mesmo Josiane. Mas agente vai levando como pode.
Mas ando sem paciência mesmo, e olha que sou muitooooo paciente rsrs.
Boa semana pra você também.

Aline disse...

Nossa se aconteceu comigo e por tabela ainda acontece,isso me deixa fula da vida..educação de filho não tem q dar pitaco..eu naum fico fazendo isso..mas eu ainda vou arranjar uma maneira de queimar um por um dos q ficam falando o q é ou não melhor pro meu filho.

Se eu pedisse conselho,mas não!!uuii isso mexe comigo..desculpe!

bjbjbj

Aline Patrícia disse...

As pessoas não entendem que se precisássemos de ajuda ou da opinião nós pediríamos. Se fosse só de vez enquando, mas sempre enche o saco.

Rsrs Mãe é tudo igual. rsrs
Bjos.

Cristiane disse...

Sei bem como é... Devem ser pessoas que não foram nem a metade do que nós tentamos ser. Já penei com isto mas nunca abaixei a cabeça e sempre deixei claro meus pensanmentos, mas que na verdade magoam muito. Cris

Aline Patrícia disse...

Pelo que percebi mãe nenhuma gosta, e que não é só comigo.
E concordo com você não foram nem metade, e acham que são melhores.
Filho cada um cuida do seu. Pelo menos deveria ser assim.

Futura mãmã disse...

E verdade...Toda agente adora dar palpite e isso começa mesmo antes de termos nossos nenes neah mesmo aff ate chateia...
Mas pronto ah que ouvir, calar , ignorar e fazer o que NOS MAES achamos certo para eles e para nos. bj

Aline Patrícia disse...

E Miriam na Gravidez os palpites eram o dobro. Nesta fase as pessoas pensam que agente não sabe de nada mesmo... Terrível rsrs...

sheR disse...

Então..
O que que a gente pode fazer neh???
Todo mundo tem um post desses, mas as pessoas não se tocam..
Imagina agora eu que tenho 15 anos...

Aline Patrícia disse...

Ai que todo mundo acha que agente não sabe sabe cuidar da cria rsrs!!
Pra vc deve ser mais difícil ainda!
Mas tenho certeza que ninguém cuidaria melhor dele que vc!
Nenhuma mãe de verdade faria algo que não fosse bom pro filho!

Tais disse...

Tomara que quando minha filha nascer ninguém se entrometa , porque eu também odeio isso .. By : Tais

Aline Patrícia disse...

Tais talvez vc tenha sorte, mas sempre tem alguem pra dar pitaco!! rsrs

Tais Alves Fernandes disse...

Caraca falou tudo. Gostei tô me sentindo assim.